top of page

Guia para pais: Como ajudar crianças com medo de ir à escola após ataques violentos

Com o aumento dos ataques violentos às escolas em todo o país, muitas crianças estão se sentindo amedrontadas e inseguras em relação a ir para a escola. Para os pais, é uma situação difícil de lidar e pode ser um grande desafio acalmar seus filhos e ajudá-los a se sentir seguros novamente.


menina brinca no escorregador da escola, mas está com dúvidas e medo sobre a segurança de se fazer isso na escola
As crianças com medo de possíveis ataques não querem mais ir à escola. O que fazer?

Neste guia passo a passo, vamos apresentar algumas estratégias eficazes para ajudar os pais a lidar com o medo das crianças em ir para a escola após os ataques violentos.



Comece conversando com seu filho


Inicie uma conversa com seu filho sobre seus medos e ouça-o atentamente. Isso pode ajudar a identificar exatamente o que está causando medo na criança. Demonstre interesse e empatia, deixe a criança expressar suas emoções e ofereça conforto e segurança.



Crie um ambiente tranquilo


Tente criar um ambiente tranquilo em casa, com música suave, velas aromáticas ou até mesmo uma massagem relaxante. Isso pode ajudar a aliviar a tensão e acalmar a criança.



Ensine técnicas de respiração


Ensine técnicas de respiração profunda para ajudar a acalmar a criança. A respiração profunda pode ajudar a relaxar o corpo e reduzir a ansiedade.



Seja positivo e tranquilizador


Tente manter uma atitude positiva e tranquilizadora. Lembre a criança de que os adultos estão trabalhando para tornar a escola segura e que há muitas pessoas cuidando dela.



Fique informado sobre os procedimentos de segurança da escola


Certifique-se de que você está ciente dos procedimentos de segurança da escola e informe-se sobre os passos que a escola está tomando para garantir a segurança dos alunos.



Considere ajuda profissional


Se o medo da criança persistir, pode ser necessário buscar ajuda profissional. A hipnoterapia é uma opção eficaz para tratar a ansiedade e o medo em crianças e adolescentes.



Os pais precisam se acalmar perante esta situação. Como fazer isso?


família estuda junto e se preocupa com o bem-estar dos filhos
Os pais são porto seguro de seus filhos em caso de medo aos ataques às escolas do país.

Os pais podem se acalmar perante o problema de medo das crianças em relação aos ataques violentos nas escolas, seguindo algumas dicas:



Busque informações confiáveis: evite informações alarmistas ou sensacionalistas e procure fontes seguras e confiáveis para se informar sobre o assunto.



Mantenha a calma: é importante que os pais se mantenham calmos e transmitam segurança aos filhos. Evite demonstrar medo ou ansiedade na frente deles.



Ouça as preocupações dos filhos: permita que os filhos expressem seus medos e preocupações, escute atentamente e valide seus sentimentos.



Explique a situação de forma adequada: de acordo com a idade e maturidade da criança, explique a situação de forma clara e objetiva, evitando assustá-la ou traumatizá-la.



Reforce a segurança: enfatize as medidas de segurança que a escola está tomando, como a presença de seguranças e a realização de treinamentos de segurança.



Fique atento aos sintomas de ansiedade: se a criança apresentar sinais de ansiedade ou estresse, como insônia, irritabilidade, choro fácil ou mudança no apetite, procure ajuda profissional.



Lembrando que é importante que os pais sejam compreensivos e empáticos com as crianças nesse momento delicado, e busquem ajuda profissional caso necessário.



Agora que você tem algumas estratégias para ajudar seu filho a lidar com o medo de ir para a escola, não deixe de experimentar essas técnicas. Lembre-se de que cada criança é diferente, então o que funciona para uma pode não funcionar para outra. Se o medo do seu filho persistir, não hesite em buscar ajuda profissional.

Comments


bottom of page